“Sonho ter um Playstation Vita” – Diogo, 09 anos, leucemia

Categoria: 2015, Sonho Ter

Inicialmente o Diogo se apresentou como um menino tímido, que gostava de Ben 10, Max Steel e, como muitos meninos de sua idade, de videogames.

Devido às longas viagens que faz, a cada 20 dias, para Curitiba, onde realiza seu tratamento contra leucemia, Diogo sonhava em ter um PlayStation portátil para se distrair. De sua cidade natal até a capital são mais de 400km e Diogo queria para passar o tempo da melhor forma possível, “zerando” os mais diferentes tipos de jogos.

Mas os olhinhos do Diogo não brilham apenas por videogames, ele também adora chocolate, de todos os tipos. E foi pensando nisso que as fadas e o gênio da lâmpada planejaram um dia mais do que especial para o wish-kid.

Era uma quarta-feira quando Diogo foi levado para conhecer a fábrica de chocolates da “LACTA”, em Curitiba. Lá, foi recebido por suas fadas, seu gênio e mais duas presenças ilustres: os coelhos Pascoal e Pascoalete. Com a companhia destes dois coelhos adoráveis e do time da fábrica da “LACTA”, Diogo descobriu como são feitos os ovos de Páscoa e tantas outras guloseimas que ele adora. Ao final, recebeu dos coelhos uma cesta cheia de chocolate, incluindo um ovo de Páscoa super especial.

Após tantas novas descobertas, as fadas e o gênio levaram Diogo para almoçar e, de sobremesa, sugeriram ele abrisse o ovo recebido dos coelhos para dividir com todo mundo. Sem hesitar, Diogo pegou o ovo, colocou na mesa e desembrulhou. Ao dividir o ovo, viu que o seu tão sonhado videogame portátil estava lá dentro!

Ele esqueceu o chocolate na hora e, empolgado, foi direto ligando o aparelho que por pouco não derrubou, causando um susto em todo mundo. Susto que logo se transformou em um riso gostoso pela felicidade do Diogo.

O Diogo, as fadas e o gênio passaram o restante do dia aprendendo a brincar no videogame e, ao final, o garoto já estava jogando muito bem e fazendo gols em um de seus jogos favoritos, o FIFA.

Lembra daquele menino tímido do começo deste relato? Sumiu! Com o passar das horas e com seu videogame em mãos, foram conversas e risadas que não acabavam mais.

Colaboradores: Eduardo Iankiw, So Hard DVD Informática, Henrique Bisi e Luiza Miranda

Voluntariado Corporativo: Mondelez

Voluntários: Kauan Wiese da Silva, Livia Marina Moraes e Valeska Chrestani